Tangará da Serra/MT, 25 de Maio de 2019

Facebook

NOTÍCIAS quarta-feira, 24 de Abril de 2019, 08h:51 | - A | + A

SEGURANÇA PÚBLICA

PM e Corpo de Bombeiros deflagra a Operação Tiradentes

Por: Paulo César Desidério - Gazeta FM

Paulo Desidério/Gazeta FM

Nesta quarta-feira (24), está sendo desencadeada em todo o país a Operação Tiradentes. Em Mato Grosso, a Polícia Militar conta com o apoio do Corpo de Bombeiros nos trabalhos de abordagens nas ruas e fiscalização em estabelecimentos comerciais que recebem grande aglomeração de público. Na cidade de Tangará da Serra, os trabalhos iniciaram logo pela manhã, com o encontro das guarnições da PM e do Corpo de Bombeiros, na praça da antiga prefeitura municipal.


O responsável pelo 19º Batalhão da Polícia Militar em Tangará da Serra, Tenente-Coronel Vanilson Morais, destacou que os trabalhos terão duração de 24 horas.


“Essa é uma operação que está sendo desencadeada em todo o estado. É uma operação integrada entre a Polícia Militar e Corpo de Bombeiros e que vai perdurar durante o período de 24 horas. Nesse período de 24 horas, nós iremos intensificar os trabalhos policiais junto com os Bombeiros, que estarão intensificando os trabalhos de fiscalização de alguns estabelecimentos”, afirmou, ao detalhar que uma equipe da PM ficará atenta às motocicletas, veículo bastante utilizado por criminosos em diversas modalidades de crime.


“São veículos normalmente muito utilizados na prática de crimes como roubo, por exemplo. Nós conseguimos diminuir um pouco o trabalho administrativo das unidades, tanto do Comando Regional, quanto do Batalhão, para que a gente pudesse ter algumas viaturas a mais e dar um volume maior nessa fiscalização, nesse trabalho intensivo durante essas 24 horas”, pontuou.


Sobre a participação do Corpo de Bombeiros na operação, a Major Poliana Keila, comandante da 3ª Companhia de Tangará da Serra, explicou que a parceria das forças de segurança será fundamental nos trabalhos de fiscalização.


“A participação do Corpo de Bombeiros é em relação às fiscalizações, principalmente em locais de público, e também em atendimento às ocorrências. É uma operação de 24 horas que visa também o apoio à Polícia Militar e à Polícia Civil em toda e qualquer operação que for desencadeada durante essas 24 horas, não somente as fiscalizações em locais de reunião de público. O Corpo de Bombeiros vai atuar junto com a PM nas fiscalizações, mas também dos bares em relação aos alvarás, em relação ao atendimento, dar resgate também a essas pessoas que por ventura venham durante as operações sofrer algum impacto”, avaliou.

IMPRIMIR

COMENTÁRIOS